WhatsApp: (47) 9.9956-2326 E-mailcontato@adam.net.br

Vídeo – Comunidade no RJ vai ganhar Centro de Mediação Comunitária

Vídeo – Comunidade no RJ vai ganhar Centro de Mediação Comunitária

3 jan, 2016 | Adam, Adam Sistemas, AdamNews, Mediação, Notícias, Vídeos | 0 Comentários

AdamNews – Divulgação exclusiva de notícias para clientes e parceiros!
A nova Lei da Mediação já está em vigor. Isso significa que as negociações para resolver diversos conflitos agora têm regras claras. E isso vai ajudar a desafogar a Justiça brasileira.
Se alguém na comunidade da Coroa, no Rio, está com um problema, é só falar com o presidente da Associação de Moradores, Maurício do Amaral, o ‘Muralha’.
“Aquele morador que não fala um com o outro, que às vezes chega coloca lixo na porta do outro. Criou uma parede na frente da visão do outro”, conta Maurício do Amaral.
Apesar do tamanho, o ‘Muralha’ tenta resolver tudo com o diálogo. Ele já ajuda a mediar os conflitos no lugar. Mas agora vai ser oficial.
É que o morro da Coroa ganhou um Centro de Mediação Comunitária.
Muitos dos problemas enfrentados pelos moradores vão poder ser resolvidos no local, de graça, e bem mais rápido que na Justiça.
Sabe como? As duas partes do conflito vão entrar em uma das salas, sentar na mesa para conversar e tentar chegar a um acordo com a ajuda de mediadores.
No lugar, são os próprios moradores da comunidade.
Mais de 30 moradores vão ser os primeiros treinados por instrutores do Tribunal de Justiça do Rio.
E no fim do curso vão ter direito até a diploma de mediador comunitário.“Os mediadores vão ser cidadãos que tenham aptidão, que gozem da confiança das partes e como o mediador é formado pelo Tribunal de Justiça, os atos praticados têm força legal junto ao Judiciário. Ou seja, a comunidade passa a ter uma força muito maior, notadamente nas relações de consumo, onde elas não têm muito acesso, por exemplo, às concessionárias de serviço público”, explica Sérgio Zveiter, secretário municipal de Habitação e Cidadania-RJ.
A mediação é uma alternativa para resolver conflitos sem precisar recorrer à Justiça. Uma prática que agora passou a ser regulamentada por lei.
O papel do mediador é estimular os dois lados a chegar a uma solução para o problema.
“A gente costuma dizer que a mediação, ela é especialmente adequada porque o mediador estimula as pessoas, por elas mesmas, encontrarem as soluções. Ela garante às pessoas, o controle do resultado final, porque o acordo só será celebrado se verdadeiramente atender a ambas as partes”. afirma Samantha Pelajo, presidente da Comissão de Mediação da OAB-RJ.
Foi o que ajudou Marcone não só a conseguir a guarda compartilhada dos filhos depois da separação. “A partir da mediação, nós encontramos um canal pra voltar a dialogar. E construir juntos, sem imposição judicial, o que seria melhor pra nós e pros nossos filhos”, lembra o professor Marcone Rocca.
Na comunidade, Valéria também aposta na conversa. Ela estuda Direito e quer ser juíza. E está animada em começar a carreira como mediadora. “Vai ajudar as pessoas a serem um pouquinho juízes dos seus conflitos”, explica a estudante.
Assista o Vídeo clicando aqui
Fonte: O Globo – 02/01/2016 22h01 – Atualizado em 02/01/2016 22h01

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

16 − cinco =

Usamos cookies para garantir uma melhor experiência em nosso site. Leia nossa Política de Privacidade.
Você aceita?

Configurações de Cookie

A seguir, você pode escolher quais tipos de cookies permitem neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FuncionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalíticoNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de a.o. a usabilidade.

Mídia SocialNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

PublicidadeNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OutrosNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.