WhatsApp: (47) 9.9956-2326 E-mailcontato@adam.net.br

O que promove a cultura da mediação nas empresas

O que promove a cultura da mediação nas empresas

21 jan, 2019 | AdamNews, Mediação, Notícias | 0 Comentários

Sabemos que é importante um certo grau de competitividade entre os colaboradores de uma empresa, mas partimos do pressuposto que a competitividade tem um certo limite, pois passando deste ela se torna nociva ao atingimento de resultados. A competitividade às vezes agride, afasta e desconecta o colaborador dos seus objetivos e por sua vez dos objetivos da empresa que trabalha.
A competitividade pode se tornar um processo destrutivo de solução de conflitos em que as pessoas se enxergam e se comportam como inimigas, como oponentes, não conseguem entender as razões e os interesses do outro como parte integrante e necessária para a obtenção de um objetivo.
Por sua vez, a colaboração é um processo construtivo que explora estratégias que venham a prevenir ou resolver futuras controvérsias e ensina uma melhor compreensão recíproca. A mediação no ambiente de trabalho, que é um processo colaborativo, conscientiza sobre direitos e deveres, sobre a responsabilidade de cada membro da equipe, transforma uma visão negativa para uma visão positiva dos conflitos e incentiva ao diálogo, possibilitando uma comunicação pacífica.
A mediação no ambiente de trabalho gera participação pois cada um será protagonista das soluções, haja vista que, os membros de uma equipe estão mais dispostos a cooperar para juntos chegarem a uma solução. A mediação promove um relacionamento cooperativo por que as pessoas se sentem compreendidas, validadas e valorizadas.
Implantando a cultura da mediação na empresa construímos e reconstruímos, restabelecemos e fortalecemos as relações, em regra, corrobora o conhecimento mútuo e a empatia, proporciona uma mudança e transformação, de forma a gerar novas ideias e alternativas, antes não encontradas, a equipe passa a ter foco em soluções.
Por Danyelle Bandeira de Melo, mediadora judicial e extrajudicial e educadora parental de disciplina positiva pela positive discipline association.
Fonte: Mulheres Empreendedoras-PI – 21 de janeiro de 2019.
AdamNews – Divulgação exclusiva de notícias para clientes e parceiros!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

8 − quatro =

Usamos cookies para garantir uma melhor experiência em nosso site. Leia nossa Política de Privacidade.
Você aceita?

Configurações de Cookie

A seguir, você pode escolher quais tipos de cookies permitem neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FuncionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalíticoNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de a.o. a usabilidade.

Mídia SocialNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

PublicidadeNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OutrosNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.